MEDICINA HIPERBÁRICA (MH)


 

É a área de atuação médica dedicada aos aspectos fisiopatológicos do mergulho e do trabalho em ambientes pressurizados (mergulho seco).

 

 

Oxigenoterapia hiperbárica

 

A oxigenoterapia Hiperbárica é uma modalidade terapêutica física que consiste na inspiração de oxigênio puro, dentro de uma câmara (câmara hiperbárica), a uma pressão superior à atmosférica, proporcionando a obtenção de pressões parciais elevadas. Durante uma sessão de tratamento em câmara hiperbárica, o corpo sofre diversos efeitos físicos e metabólicos, sendo particularmente importante o aumento em cerca de 1900% na quantidade de oxigênio dissolvido nos fluidos e tecidos corporais, aumento esse responsável pelos efeitos terapêuticos da oxigênoterapia hiperbárica.

 

 

A utilização da oxigenoterapia hiperbárica de forma cientificamente fundamentada é recente e o seu potencial para melhorar a oxigenação tecidual e tratar infecções anaeróbicas data da década de 60 do século passado. Na literatura, encontramos cada vez mais de indicações para essa modalidade terapêutica. (Acessar a RESOLUÇÃO CFM nº 1.457/95 )